A Komby da bagaceirada

Já faz muito tempo que eu não vejo os desenhos do Scooby–Doo, muito mesmo, isso tem algumas razões, posso citar quase todas: A) Não sei em que canais passam. B) Não sei a que horas passam. C) provavelmente o item B coincide com meu horário de trabalho. D) Não curto mais. Mas vou dar uma atenção especial para a que eu julgo ser a maior de todas: No fundo, bem no fundo, sempre achei que o Salsicha era um puta maconheiro, e isso com o tempo acabou me decepcionando. Aliás, acho que não só ele era maconheiro como todos os seus comparsas também o eram. Na real aquela turma muito louca com roupas e atitudes lisérgicas não conseguiria me enrolar para sempre. Não dava simplesmente para disfarçar “ad eternum” o apelo ao uso de drogas pesadíssimas que usavam e ao lifestyle doente delas. O que dizer de quatro vagabundos mais um cachorro pulguento e sarnento se amontoando em uma Komby pintada de maneira prá lá de psicodélica perseguindo montros e fantasmas? Querendo que eu acredite?? Aquele bando de sem-vergonhas deviam passar o tempo todo fumando uma baura e na maior sacanagem , usem a imaginação!!! O Fredy e a Velma junto com a Daphne se amassando no banco da frente num agarramento de envergonhar o presidente do PSDB, enquanto o Salsicha queimava a erva maldita e se masturbava olhando o Scooby que estava prá lá de Marraquesh depois de virar uma caixa de biscoitos caninos recheados com cogumelos. E a fome daqueles dois?? Na maior laríca os infelizes estavam sempre, aqueles imundos. Tá na cara que aquele pessoal ia fundo na marofa, e estavam já em estado de dependência heavy , pois toda semana encontravam criaturas do outro mundo que segundo eles estavam perseguindo pobres inocentes. Eles azucrinavam as pessoas até não poder mais, daí quando o efeito das drogas passava (na hora de tirar a máscara dos “bandidões”) eles descobriam que não eram fantasmas, eram pessoas normais. Quanta porcaria sendo fumada, cheirada e injetada gente!! Só pode ser. A “Kombi da bagaceirada” devia ser o nome do desenho. E acho que na real todos morreram de AIDS pois sexo selvagem sem camisinha e seringas com heroína liberadíssimas num estilo tão inocente quanto uma mistura dos filmes “Garganta Profunda” e “Poltergeist” não perdoam ninguém.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s